O pluralismo dos profissionais de saúde



Em face da pandemia do Covid-19, a área de Saúde nunca teve tantas demandas como agora, exigindo uma modalidade de trabalho coletivo com múltiplas intervenções e interação dos seus agentes em diferentes especialidades.

São demandas que exigem conhecimento, experiência e agilidade para enfrentar os desafios surgidos e as necessárias ações para enfrentá-los.

A par disso, a área vem recebendo inúmeros reconhecimentos, todos eles justificadíssimos.  Entre muitos, lembramos o do comandante de um voo no espaço aéreo brasileiro, que, sem aviso prévio, leu o nome de 15 pessoas e pediu que ficassem de pé.  Eram profissionais da saúde selecionados para trabalhar em um dos epicentros da Pandemia no País.

“Essas pessoas são heróis anônimos, que trocaram a capa por jaleco e, assim como nos filmes, merecem nossas homenagens e os créditos por tanta dedicação” disse ele, sob aplausos dos passageiros e da tripulação.

São, de fato, merecidos aplausos para pessoas que, apesar de todos os riscos, celebra a essência humana com empenho e dedicação.

Como definiu o filósofo alemão Hans Jonas, os profissionais da saúde têm como matéria de seu ofício, um organismo vivo que não é um meio e sim um fim em si mesmo. Em suas mãos entregamos o que nos é mais caro, nossa própria vida.

Por todos esses motivos, é fundamental que eles sejam reverenciados, bem como seus conhecimentos e suas intervenções sejam respeitadas e objeto de confiança e crédito. A Associação Brasileira de Recursos Humanos – RJ (ABRH-RJ), por sua vez, sempre antenada com a identificação dos novos cenários, com as transformações e com a imprevisibilidade deste complexo mundo atual, vem adotando ações que busquem minimizar e/ou superar este momento de crise da melhor forma possível.

Nesse sentido, realizará em 16 de setembro, a 3ª edição do Fórum de Saúde. O tradicional evento, que será realizado totalmente em formato digital, visa discutir os impactos da pandemia na saúde da empresa em relação aos aspectos financeiro, legal, preventivo e outros. Além disso, trará para debate temas como saúde mental nas empresas em momentos de crise, os impactos da pandemia nas operadoras e seguradoras, as soluções no setor de saúde, o suporte que novas tecnologias têm dado ao setor nesse novo cenário e muito mais.

Tratar da saúde dos colaboradores de maneira estratégica e com olhar humano foi um dos objetivos alcançados nas edições anteriores do Fórum e que a Associação busca trazer na pauta deste novo encontro.

Dessa forma, reforçamos o convite para o evento com a homenagem e agradecimentos da ABRH-RJ a esses valorosos profissionais.


Por Myrna Silveira Brandão, diretora voluntária da ABRH-RJ.

  • Instagram - White Circle
  • Facebook - Círculo Branco
  • LinkedIn - Círculo Branco
  • Twitter - Círculo Branco
  • YouTube - Círculo Branco
  • Spotify - Círculo Branco

(21) 2277-7750 | relacionamento@abrhrj.org.br 

Av. Presidente Vargas, 463 - 11º andar - Rio de Janeiro/RJ